CERS

3:3 César Salgueiro
3:3 César Salgueiro

Taça Cers

 

Giovinazzo – Diessbach: 6-3

 

Depois de ter ultrapassado a equipa alemã do Walsum, o Diessbach encontrou nos oitavos-finais o Giovinazzo de Itália. O Diessbach neste jogo não foi aquela equipa que nos tem habituado no campeonato sem ânimo e sem alegria de jogar hóquei, mas sim, um equipa de grande carácter e de grande união perante 1500 espectadores.

 

Neste jogo, o Diessbach entrou um pouco nervoso, mas aos poucos foi conseguindo ultrapassar aspecto negativo. Numa falta em frente área do Giovinazzo, Simon coloca a bola na baliza directamente, mas o golo foi invalidado devido a ser uma falta indirecta. Esta acção dos visitantes, acordou o Giovinazzo e depois de muitos remates de meia distância e da entrada da estrela, o argentino Gimenez, chegou ao golo por D’Agostino(11min) num remate no meio ringue. Os adeptos e jogadores da equipa local tiveram pouco tempo para festejar pois aos 12min César empata, depois de uma boa jogada colectiva. O jogo entrou numa fase confusa com muitas faltas,e só aos 20minutos o marcadoré alterada por Depalma fazendo 2-1, resultado ao intervalo.

 

Na segunda parte, o Giovinazzo entrou determinado para tentar ampliar a vantagem e consegui aos 29minutos outra vez por Depalma. Este golo, não veio desconcetrar os jogadores do Diessbach mas sim trazer mais garra e mais vontade de jogar. Com estes ingredientes o Diessbach recupera duma vantagem de dois golos(3-1) e empata a partida por Simon(31min) e por César(32min). Daqui em diante o Giovinazzo foi empurrando os visitantes para a sua área, obrigando os jogadores do Diessbach a cometer erros defensivos. E teve o seu prémio aos 35min outra vez por D’Agostino numa jogada individual. O Diessbach tentou contrariar o jogo italiano mas sem sucesso e 45minutos Vianna aumenta para 5-3. Com este resultado Diessbach procurou reagir arriscando mais mas sem sucesso e aos 48minutos Turturro faz o resultado final 6-3.

 

Apesar de ter perdido, destaque-se na equipa Suiça a entrega e o espirito combativo perante uma equipa profissional, deixando para a segunda mão uma partida emocionante, em que Diessbach irá fazer tudo por tudo para recuperar a desvantagem.

 

 

 

Equipas:

 

 

 

AFP GIOVINAZZO: Stallone, Picca; Depalma (2), Altieri, Turturro (1), Gimenez, Ranieri, D'Agostino (2), Bavaro, Vianna (1).

 

RHC DIESSBACH: Rubin, Perret; Schneider, von Allmen (1), Salgueiro (2), Wegmüller, Kissling, Rodrigues, Strub

 

 

Kommentar schreiben

Kommentare: 0